24 setembro 2005

Hoje eu só quero que o dia termine bem...

A sexta-feira foi boa. Depois da semana que eu estava tendo, eu merecia. Tivemos um almoço na empresa para comemorar a entrada do SIBEC no ar. Ele é um sistema que foi desenvolvido para cadastrar, controlar e pagar os benefícios socias (Bolsa Família, por exemplo). Na verdade, eu não participei muito, mas fico feliz pelo pessoal que trabalhou para isto... o sistema entrou no ar no dia 30 de agosto, dia do meu aniversário. Legal, né?
Mas o melhor do almoço foi poder vir para casa mais cedo. :-)
Eu estava assistindo agora o filme "Um amor além da vida". Acho que é um dos filmes mais lindos que já vi. Um casal, Chris e Annie, se apaixona, se casa, tem filhos e vivem muito felizes e apaixonados até que seus filhos morrem em um acidente de carros. Desde então eles não são tão felizes quanto antes, mas continuam muito apaixonados. Mas Chris morre em outro acidente. À princípio ele se recusa a deixá-la e fica na terra. Annie sente sua presença o tempo todo, mas não consegue entender e acha que está ficando louca. Então Chris vê que a está fazendo sofrer muito e se convence que seria melhor deixar que ela siga com a vida e vai para o céu. No filme, o céu é o que imaginamos e, no caso dele, era uma pintura que Annie havia feito do lugar onde eles se conheceram e para onde eles sonhavam ir quando se aposentassem. Era um lugar lindo e, como era uma pintura, o céu de Chris era todo de tinta... Que cenas lindas! Neste céu ele reencontra seus 2 filhos que haviam morrido. A alegria é muita mas algo inesperado acontece: Annie se mata. Isso significa a eternidade separados pois os suicídas vão para o inferno porque eles não conseguem lidar com aquilo que fizeram e passam a eternidade sem admitir que aquilo aconteceu, achando que ainda estão vivos.
Chris decide ir até o inferno para salvar Annie, mas ele corre o perigo de perder sua conciência e nunca mais voltar... Que lugar horrível é o inferno!
Ele consegue encontrar Annie mas depois de muitas tentativas ele vê que não tem como tirá-la de lá e decide ficar no inferno para não deixá-la. Seu amor é tão grande que ele prefere o inferno a ficar longe dela. Neste momento, ele começa a perder sua consciência e Annie se dá conta de que aquele homem que sempre a visita é o Chris, se concientiza de que se matou e que ela está perdendo ele mais uma vez e de repente, eles estão no céu. O amor deles foi tão grande que eles conseguiram se salvar.
Depois disso, eles reencarnam e ainda crianças se apaixonam novamente...
É muito amor, né? :-)
É muita viagem, eu sei... mas que o filme é lindo, é.

Nenhum comentário:

Postar um comentário