06 junho 2006

New York - Estátua da Liberdade

New York - Statue of Liberty

Este monumento, símbolo da libertade, é um presente dado, no dia 04 de Julho de 1884, pelo povo francês aos americanos em comemoração à aliança feita pelas duas nações durante a Revolução Americana. Foi o historiador francês Edoard de Laboulaye quem propôs, em 1865, que seu país devesse presentear os EUA, por ocasião do primeiro centenário da Declaração de Independência. Por mais que os franceses daquele tempo tenham protestado contra a iniciativa, o escultor Frederic-Auguste Bartholdi viajou a terra americanas para conversar com as autoridades locais.
Um monumento como o que se planejava produzir teria um custo muito elevado, por isso se criou a União Franco-Americana para arrecadar fundos. O preço total da estátua, de ff$ 1 milhão, foi custeado totalmente pelo povo francês. Entretanto, os norte-americanos desembolsaram os U$ 250 mil necessários para a construção do pedestal.
Na sua mão direita, a divindade representada pela estátua carrega uma tocha iluminada; em sua mão esquerda, uma carta que representa a Constituição na qual está inscrita a data 04 de Julho de 1776 escrita em algarismos romanos. Em seu pé, uma corrente quebrada simboliza a liberdade conquistada em relação à colônia européia.
A Estátua da Liberdade foi concebida como um monumento nacional em 1924 e é feita de uma armação de cobre de 2,4 milímetros de espessura. O que a sustenta é uma chapa de ferro desenhada por Alexandre-Gustave Eiffel, criador da Torre Eiffel de Paris.
Ela mede 46,50 metros (92,99 m contando o pedestal). Pesa 158 t repartidas no esqueleto de aço (127 t) e na estátua de cobre (31 t) e veio da França desmontada em 214 pacotes.
Ela está na entrada do porto de Nova York desde 1886 em uma ilha chamada Bedloe (também conhecida como Ilha da Liberdade). São 167 degraus de entrada até o topo do pedestal. Depois são mais 168 degraus até a cabeça. Por fim, outros 54 degraus levam à tocha.



Eu achei o maior programa de índio. Tem uma filas gigantescas e você passa por uma revista onde até o cinto você tem que tirar. Sem falar que na ilha não tem nada e não se pode subir na Estátua, a não ser que você tenha a sorte de conseguir um dos pouquíssimos ingressos disponibilizados por dia. E, neste caso, você enfrentará mais uma filinha básica e outra revista.
Mas como tudo na vida, vale a pena experimentar e, pelo menos uma vez, você tem que ir lá conferir. ;-)

New York - Statue of LibertyNew York -  Liberty Island


Para mais fotos do passeio até a Estátua da Liberdade, clique aqui. Se você preferir ver em forma de slide, clique aqui.

5 comentários:

  1. Chris

    Já vi que voce não vai mais voltar. Tudo vamos visitá-la aí.

    beijos

    ResponderExcluir
  2. Oi Crhis, grato pela visita ao meu cantinho.
    Gostei da descrição sobre a Estátua da Liberdade.
    Quando será sua volta?
    Abraços
    Ismael

    ResponderExcluir
  3. Fez programa de indio porque quis né baby? podeira ter ido de barca. Álias, é barca aquilo?
    Posso publicar a fotinha sua com o George no luz?? (rs*)
    Beijus

    ResponderExcluir
  4. Amo-te Danny. bj. da tua querida

    ResponderExcluir
  5. Acho que você está enganada, Anônimo. Não me chamo Danny. :-)

    ResponderExcluir