21 novembro 2007

Me sinto muito mal

Ontem aconteceu uma coisa muito chata! Estávamos eu, a guia da escola e alguns outros alunos na estação Catedral, do metrô, pois íamos para o Museu Eva Perón. Já tínhamos nos apresentado e eis que no grupo havia uma brasileira, de Porto Alegre! Seu nome é Ana Paula. Ela havia chegado na segunda-feira, ou seja, ainda não conhecia nada da cidade e falava muito pouco de espanhol.
Todos compramos as passagens e entramos no metrô, mas quando a porta começou a se fechar, vimos a brasileira DO LADO DE FORA! Tentamos segurar a porta mas já era tarde. Fiz sinal para que ela viesse, mas nos demos conta de que ela não sabia em que estação tinha que descer. Maribel, a guia, disse incrédula: "Dio! Me perdi una estudiante! Isto nunca me pasó!".
Descemos na estação seguinte, na esperança de que ela acreditasse que a estaríamos esperando ali, mas ela não veio. Ligamos para escola para saber se, por acaso, ela tinha celular. Não tinha. Pedimos para que a ensinassem a ir ao museu e que a avisasse que a estaríamos esperando lá, caso ela voltasse para a escola. Eu me senti muito mal! Pior que os outros alunos porque ela era brasileira. Eu tinha a obrigação de ter cuidado dela, né gente? Só não me senti pior que a Maribel, pois ela era a responsável pelo grupo e imaginem como isso pode parecer agressivo? E como isso pode fazer mal para a imagem da escola?
Enfim, seguimos para o museu e ela também não apareceu por lá. A visita foi muito boa, apesar de todo o ocorrido, mas mal posso esperar por encontrar a Ana Paula de novo e pedir mil desculpas!
Esclareço que a escola é muito boa, gente! Podem fazer cursos lá sem medo, tá? Isso de perder alunos não é normal não... :-))))

12 comentários:

  1. Parece responsável e educada.
    tudo dará certo.

    Pedro Alfena a seu dispor
    Cantagalo

    ResponderExcluir
  2. Pedro, obrigada! Espero que vc descubra logo o que é um blog, já que eu não consegui te explicar direito. ;-)
    Obrigada pela visita e volte sempre...

    ResponderExcluir
  3. A tal gaúcha émeio abestalhada, né, Chris ! Ficar perdida que nem uma pateta no Metrô ! Que coisa mais cafona e caipira ! Tomara que se perca pra sempre ou volte logo pros cafundós de onde saiu, essa palhaça !

    ResponderExcluir
  4. Hahahaha!!! Jôka, você é demais! Tadinha!!! :-)))))

    ResponderExcluir
  5. Abestalhada ou não, eu largava o curso e ainda falava mal da escola. ;)

    Um detalhe: videogame se escreve assim, sem acento e sem hífen, tá? ;)

    ResponderExcluir
  6. Chris, é com os erros que se aprende! Pode ter certeza que essa moça será mais atenta e vocês da escola, combinem antes das saídas, atitudes a serem tomadas em eventualidades. Eu mesma já passei por algo parecido; uma amiga ficou uma estação atrás do metrô e foi a maior dificuldade conseguir achá-la. Sorte que por não conhecer São Paulo, ela ficou quietinha sentada, esperando.
    Boa semana! Beijus

    ResponderExcluir
  7. Tudo novo aqui! Onde está a sua coluna lateral? Beijus

    ResponderExcluir
  8. Uma vez meu filho foi jogar basquete pelo clube em outro bairro distante e esqueceram um colega na volta. Foi um problemão para o clube. Foi desagradável, mas acho que nunca mais a guia vai esquecer este episódio e que deve ter servido de lição. Mas espero que tudo acabe bem.

    ResponderExcluir
  9. Todos merecem uma segunda chance, Palpi! Além disso, nas duas semanas em que ela vai ficar aqui, pode ter certeza de que ela vai ter tratamento VIP. :-)
    Luma, o pior é que sempre antes de sairmos, Maribel ensina como ir: Se vamos de ônibus ou de metrô, o num. do Onibus, onde desce... só que justo dessa vez, acho que ela esqueceu.:-( Vc não tá vendo a barra lateral? Agora ela tem 2 colunas...
    Nice, com crianças ou adolescentes, seria muito mais grave! Nossa... nem gosto de pensar. Se fosse o meu filho eu nem sei o que faria... :-)))

    ResponderExcluir
  10. Oi Chris! Eu irei pra Buenos Aires no final de janeiro e já estou naquela fase de ansiedade e empolgação, procurando o máximo de informações possíveis. Aí consegui descobrir seu blog, que está sendo um dos melhores de acompanhar e ir desvendando aos pouquinhos os posts antigos nos arquivos.
    Mas quis te alugar um pouquinho e fazer umas perguntas diretas aqui, espero que não se importe.
    Queria saber se você acha que esse curso de espanhol vale a pena em termos de custo benefício pra tipo 1 semana só. Eu ficarei 3 semanas aí, mas não tava querendo gastar o tempo todo estudando, até porque são férias..:)
    Minha intenção é me aporteñar, passar esse tempo como se estivesse morando e não só visitando. Como a maioria das coisas eu irei fazer sozinho e andando pela cidade, uma das dúvidas que eu tenho também é sobre segurança. Nenhum guia fala muito sobre isso além das dicas básicas de se evitar lugares escuros à noite. Daí gostaria de saber sua opinião a respeito. Você fica tranqüila ao andar por aí, se sente segura? Como anda muito com a câmera, é perigoso sair tirando foto de todos os lugares? O que pensas também sobre assaltos em metro, nas ruas, etc.. Talvez seja muita neura minha com isso, mas é mais reflexo do que a gente vive aqui no Brasil. Bom, só não quero passar por nenhuma situação chata por aí.. :)
    Bom, já te aluguei demais, um abraço e obrigado! :)

    ResponderExcluir
  11. Isso acontece Chris, espero que ela tenha entendido.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Márcio, ela levou numa boa! :-) Ela pediu pra gente fazer um passeio à Boca amanhã e é claro que a gente vai! Agora ela tá podendo. :-))))

    ResponderExcluir